Chile

Número recorde de passageiros transportados em 2016

Durante o ano de 2016, a operação aérea do Chile registrou um comportamento dinâmico, refletido em um número recorde de passageiros transportados dentro do país, com 10,6 milhões de pessoas e um crescimento de 9,4% (excluindo a Ilha de Páscoa) em relação ao ano anterior, conforme estatísticas da Junta de Aeronáutica Civil (JAC). Apesar de a economia local ter apresentado um fraco desempenho, com PIB de 1,7% de acordo com estimativas do Fundo Monetário Internacional, a contínua diminuição de tarifas aplicada pelo setor nos últimos anos tem sido de suma importância para estimular a demanda por viagens aéreas em rotas nacionais e aumentar o tráfego.

No Chile, as políticas aerocomerciais permitem o acesso de todas as empresas ao mercado sempre que cumprirem com alguns requisitos técnicos, onde cada companhia aérea pode desenvolver seus modelos de negócio livremente, situação que permitiu a introdução do modelo low cost no mercado, tanto para rotas nacionais quanto internacionais.

Neste ambiente de maior concorrência, a LATAM Airlines Chile se manteve como a operadora líder em rotas nacionais, graças aos seus constantes esforços em oferecer tarifas competitivas, mantendo sua proposta de serviço diferenciada e focada na satisfação do cliente. Com isto, em 2016 a Companhia transportou mais de 7,8 milhões de passageiros, 8,8% a mais que em 2015, atingindo uma participação de mercado de 73,1% medida em número de passageiros transportados, com queda de 0,4 pontos percentual em relação ao ano anterior. Nas rotas nacionais, sua principal competidora é a SKY Airlines, que neste ano aumentou sua participação para 25,9%.

O tráfego consolidado de passageiros (RPK) de LATAM Airlines Chile aumentou 9,6% e a capacidade aumentou 10,0% medida em ASK (assento-quilômetro oferecido) em comparação ao ano anterior, levando a uma taxa de ocupação média de 83,0%, similar a 2015.

A LATAM Airlines Chile atende 16 destinos nacionais (sem considerar a Ilha de Páscoa), chegando às principais cidades de norte a sul, como Santiago, Arica, Iquique, Calama, Antofagasta, Copiapó, La Serena, Concepción, Temuco, Valdivia, Osorno, Puerto Montt, Casto, Balmaceda, Puerto Natales e Punta Arenas. Vale destacar que Puerto Natales, localizado no extremo sul do país, na Patagônia chilena, foi inaugurado em dezembro, inicialmente com dois voos semanais diretos a partir de Santiago, e que em 2017 foi ampliado para quatro frequências semanais, que se mantiveram em operação até fevereiro de 2017.

Com a abertura desta nova rota, a Companhia visa continuar contribuindo para o desenvolvimento nacional e de suas regiões, aproximando uma das principais atrações turísticas do mundo a todos os passageiros nacionais e internacionais. De acordo com o National Geographic, Puerto Natales é o quinto lugar mais bonito da Terra, e mais de cinco milhões de pessoas o escolheram como a “oitava maravilha do mundo” em uma pesquisa feita na internet pelo guia de viagens online Virtual Tourist.

Além disso, em 2016 a Companhia aumentou significativamente a oferta de rotas turísticas (17% a mais de assentos do que no ano anterior), incluindo voos para Arica, Iquique, Puerto Montt, Castro, Balmaceda, Puerto Natales e Punta Arenas. Este resultado foi alcançado, em parte, pelo aumento das frequências de voo nestes mercados e pela utilização de uma porcentagem maior de aeronaves A321, que contam com capacidade para 220 passageiros (46 assentos a mais do que o A320).

Neste sentido, a LATAM Airlines Chile modificou seu itinerário para oferecer um voo direto à ilha de Chiloé (que antes tinha escala em Puerto Montt), reduzindo em mais de uma hora o tempo de viagem para o destino.

Para atender as rotas domésticas, a Companhia utilizou uma frota composta por 27 aeronaves da família Airbus A320, duas a mais que no ano anterior. Durante este período, foram incorporadas quatro aeronaves A321 à frota, completando um total de 12 aeronaves deste modelo no final do ano. O Airbus A321 é o maior e mais moderno modelo da família, cuja tecnologia, material e aerodinâmica permitem uma operação mais eficiente e redução significativa das emissões de CO2 devido ao menor consumo de combustível.

Entretanto, para operar a rota com destino à Ilha de Páscoa, a Companhia utiliza o Boeing 787 Dreamliner desde 2015.

Vale destacar que toda a frota da LATAM Airlines Chile conta com um serviço de entretenimento de bordo moderno após a conclusão, no primeiro trimestre do ano, da instalação da tecnologia Wireless IFE em todas as aeronaves que a Companhia utiliza para atender voos domésticos.

Chile

7,8 milhões de passageiros

27 aviões

16 destinos

73% market share