Relacionamiento com grupos de interesse

Para a LATAM, as relações com diferentes atores sociais representam uma oportunidade de construção conjunta e crescimento constante.

As principais partes interessadas do Grupo LATAM foram identificadas num processo realizado pela Vice-Presidência de Assuntos Corporativos com o objetivo de definir os temas críticos e sistematizar um modelo de gestão de relacionamento corporativo com as partes interessadas; identificar áreas de vinculação com cada grupo de interesse com indicadores e acompanhamento; estabelecer canais de comunicação e vinculação permanentes, coordenados, transparentes e definidos, a fim de conseguir uma relação articulada e de confiança; e, finalmente, gerar ações conjuntas que permitam identificar brechas e oportunidades.

As principais partes interessadas identificadas são as seguintes:

  • Universidades
  • Acionistas
  • Associações de classe
  • Agências de classificação de risco e analistas de mercado
  • Clientes de cargas
  • Clientes de passageiros
  • Colaboradores
  • Comunidades locais
  • Concessionárias de aeroportos
  • Entidades públicas e regulatórias
  • Especialistas do sector
  • Setor
  • Investidores
  • Meios de comunicação
  • ONGs/Fundações
  • Organismos internacionais
  • Fornecedores primários
  • Fornecedores secundários
  • Sindicatos
  • Terceiros e subcontratados.

Foram divididos em categorias conforme o impacto potencial para a empresa e seu nível de influência.

Por meio das relações mantidas com os órgãos públicos e as entidades setoriais nos diferentes mercados em que atua, a LATAM tem voz ativa diante de questões que influem diretamente ou indiretamente em sua estratégia de negócios, a qual é sempre exercida em pleno cumprimento das normas pertinentes e das regras previstas no Código de Conduta da LATAM e suas políticas internas. Ao longo do tempo, temos buscado fortalecer nossa participação em organismos de classe ou setoriais que representam o setor aéreo. Em nível mundial, atuamos por meio da IATA, que é um espaço importante de discussão de novas tecnologias, segurança operacional e desafios atuais e futuros do setor aéreo. Em nível regional, participamos também da Latin American and Caribbean Air Transport Association (ALTA), na qual Enrique Cueto, CEO do LATAM Airlines Group, assumiu como presidente em 2015, fato que reforça o compromisso do Grupo LATAM Airlines com o setor aeronáutico. Defendendo sempre o diálogo legítimo e transparente, buscamos soluções conjuntas e com foco na eficiência e na rentabilidade. A LATAM possui equipes responsáveis por monitorar esses debates e participar deles. No Chile e em outros mercados, também trabalhamos para estudar rotas e vôos que permitam gerar turismo, emprego e rentabilidade para as localidades onde antes não atuávamos, inclusive com a necessária coordenação com as comunidades e seus governos locais.